Afinal, por que fazer análise?

O paciente de Freud, apesar da conotação passiva que o termo carrega, não é qualquer paciente. Ele é o mesmo analisando de Lacan, ao qual confere ao sujeito em processo analítico sua própria responsabilização e ação de “fazer análise”, assim chamando-o de analisando, este atribuiria ao analista, como função, o lugar daquele que supostamente apreende Leia mais… »

Porque só se ama uma vez

Aquela mulher de pele parda, cabelos e olhos escuros, dialogava com a outra, de pele branca, mas encardida, o cabelo amarelado imitando o estilo das ladies. A parda tinha uma pintura forte na face como a de quem vai pra guerra. Nos olhos havia um largo risco preto que passava do limite do olhar.Na boca, Leia mais… »

Abrindo o “baú da vovó”: a coragem de olhar dentro de si mesmo

Há poucos dias atrás, não me sentia muito bem. Tinha um conflito com alguém de quem gosto muito e muita dificuldade de compreendê-lo. Sentia-me triste, até mesmo angustiado e também muito cansado. O conflito com essa pessoa me doía muito, doía até demais, tanto que percebi que não poderia ser algo ligado unicamente à pessoa Leia mais… »

O amor é a soma de duas faltas

Já ouviu dizer que o amor nos completa? Já parou pra pensar o que isso de fato significa e o que estaria em falta para que precisasse ser preenchido? Bem, se há o que completar é porque há algo incompleto ou em falta concordam? E se é o amor que completa, ele poderia ser a Leia mais… »

Os birrentos cibernéticos

Tenho lido e escutado muito que a faixa etária média do usuário do Facebook tem aumentado. Os mais jovens estão buscando outras redes sociais, enquanto os adultos (pre)dominam cada vez mais. Poderíamos até pensar que esse aumento da idade provocasse então uma elevação do nível de maturidade, mas não é isso que constato. Tenho mais a impressão Leia mais… »

15 hábitos bobos que prejudicam seriamente o seu relacionamento

Ninguém nunca mentiu quando disse que a rotina é desgastante e que, a princípio, o que pode parecer só um comportamento irritante, com o tempo pode se tornar algo insuportável de se conviver. Alguns maus hábitos podem não parecer tão graves para um casal apaixonado, mas com o tempo eles podem realmente prejudicar e até Leia mais… »